Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

31.Jan.18

Que Tiro Foi Esse?

Sérgio Ambrósio

jojo toddynho.jpg

É o hit musical brasileiro do momento que viraliza por todo o YouTube. A música de Jojo Maronttinni, mais conhecida como Jojo Todynho, é um sucesso e está a levar as pessoas à loucura de brincarem de levarem um tiro, em sítios públicos. Um problema de português, diz a cantora, por haver gente que não sabe interpretar que o tiro não significa bala mas sim beleza!

 

«A roupa está linda, que tiro, nossa, está lindo esse cabelo». Aprendam a interpretar, seus incultos. A violência tem o seu glamour, a marginalidade também. A morte terá? Mesmo que seja a morte da língua portuguesa? Tem a Jojo a palavra, até porque é a internet quem manda. Hoje não conta mais a universidade, os jornais, os intelectuais, a cultura. Conta a Faculdade da Vida, o Trabalho para o Bronze, os YouTubers, os Influenciadores Digitais.

 

Por falar em inteligência, então a própria Jojo Todynho diz que o tiro é de beleza e todo o mundo se joga no chão, em lugar público, imitando ter levado um tiro de pistola? Vocês são burros? A Jojo disse que não é tiro de pistola, que ela não é apologista da violência, parem com o meme, estúpidos.

 

Já nem os famosos e as celebridades brasileiras são inteligentes, visto que caíram na esparrela de pensar que a Jojo Todynho estava cantando tiro de verdade. É beleza, seus nabos. Portanto, maquilhem-se, vão pentear o cabelo e colocar roupas bonitas, seus trouxas. Deixem de fazer figuras rídiculas na internet imitando terem levado tiro de pistola. Parem de tombar no chão, seus idiotas. Tenham respeito pelos milhares de compatriotas que inocentemente tomam uma bala de verdade e morrem a valer.

 

A gente ouve a música e vê o clip e só pergunta: “que mamas são aquelas”? Ninguém quer saber do tiro, gente. A verdade é que Jojo Todynho não devia ser cantora funk. Devia ser modelo plus size. Evitava-se o estragar de ouvidos a muito boa gente e os nós cegos nos cérebros de muito pessoal por motivos de interpretação. Jojo não está na música para acrescentar qualidade nem estética. Está na música para ganhar dinheiro. A realidade é que é a febre musical do momento, vinda do Brasil. Mas antes funk do que dengue, não é mesmo?

 

Os melhores memes de “Que Tiro Foi Esse” de Jojo Todynho (ou os memes da vida real):

 

Favela da Rocinha, 15h30m: ouve-se um tiro; as pessoas atiram-se ao chão; levantam-se, dançam e cantam: “não me atingiu não, viado, estou sambando na cara das inimigas”; ouvem-se mais tiros, agora sim, pessoas são atingidas e não se levantam para dançar nem cantar.

 

Leblon, 16h15m: uma celebridade foi assassinada com um tiro na cabeça; família da vítima pergunta para os policiais: “que tiro foi esse?”; policiais da Polícia Civil respondem: «perguntem para o Jojo Todynho».

 

Osasco, 21h37m: um marginal executa um cidadão com um tiro no peito para roubar a sua carteira; começa a zoar a vítima: “que tiro foi esse? Foi o tiro que te matou, viado, levanta e dança, quero ver, porra! Levanta nada, ‘tá morto, perdeu, boiola”.

 

Belo Horizonte, 22h11m: numa cena de crime a Polícia Civil põe a tocar a música “Que Tiro Foi Esse?”, na expectativa que alguém se acuse para se resolver mais rapidamente o caso e a investigação.

 

Moreira de Cónegos, 22h45m: um guarda-redes leva um tiro na sua baliza e finge estar morto; levantou-se e foi para a entrevista da televisão dançar: “que tiro foi esse?”; jornalista esclarece-o de que o VAR não funciona em jogos do FC Porto.

 

Lisboa, sem horas nem minutos: que tiro foi esse? São só ilustres benfiquistas a serem investigados pela Polícia Judiciária, xiu, façam pouco barulho, por favor, que isto não é o fim do mundo em cuecas, muito menos é o fim do mundo em bikini com as mamas de fora.

29.Jan.18

O Meu Menino

Sérgio Ambrósio

Jardelzinho.jpg

O Jardel tem no boletim de vacinas a catalogação de cão labrador. No entanto, ele é tudo menos um cão. Para mim, ele é um jardim zoológico inteiro.

 

Tem a força de um touro; dentes de crocodilo; come como um leão; salta como um kanguru; tem dias que é mau como as cobras; cheira tantas vezes mal como um porco; escava mais terra que uma toupeira; possui a velocidade de um cavalo; a atenção de um suricata; é medroso como um rato; tem o mau feitio de um gorila e a graça trapalhona de um macaquinho.

 

O Jardel podia ter ido para a polícia ou para os bombeiros. Preferiu tomar conta de nós 24 sobre 24 horas. Preferiu a nossa casa. Hoje teve de deixá-la. Foi dar trabalho às doutoras da clínica veterinária.

 

A vida quer pregar-lhe uma rasteira. Diz que é uma doença neurológica. Maldita seja! Aconteça o que acontecer, o Jardel é um guerreiro, um campeão, a alegria da casa, o meu menino, o nosso menino. E continuará a ser o rei desta família.

Jardel.jpg

26.Jan.18

Lindas Citações Para Curtires e Partilhares

Sérgio Ambrósio

Resolvi, neste desafio, partilhar frases e citações de um autor que o meu espelho muito preza e admira. São as melhores frases e citações que podes ler na internet. As mais lindas citações para compartilhares com quem quiseres. As melhores frases e citações de um autor que o «The New Fake Times» considerou como as mais sensatas do mundo. Eu preferia que fossem as mais engraçadas. Mas vindo de quem vem, sensatez agrada-me.

 

“Não ames alguém que tenha duas mãos e que te possa assassinar por colocá-las no teu pescoço.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Se não sentes o teu coração a bater é bom sinal. Já te safaste da tragédia deste mundo.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Se a vida te diz para seres um zero à esquerda, sê um zero à esquerda. Não deves contrariar aquilo que não entendes.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Não espero por ti. Porque és uma estúpida que chega sempre atrasada e ainda se acha cheia de razão.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Se a pessoa amada não te faz feliz, atira-a de um precipício. Mas não contes a ninguém para não seres preso pela polícia.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Se a pessoa diz que realmente ela é muito tua amiga, não ficará chateada se lhe assaltares a casa.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Talvez devagarinho te possas voltar a lixar.”

– Sérgio Ambrósio

 

“A felicidade não está dentro de ti, está dentro de uma caixa de Prozac.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Eu e tu fomos destinados a durar até à minha ejaculação precoce. Nem mais um segundo.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Eu morri de amores por ti. Mas o agente funerário recusa-se a enterrar somente o meu coração.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Deus estava aborrecido. Então, criou o Homem para ter de quem se rir.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Jamais te podes sentir solitário, quando tens o Diabo no corpo, chatos nos genitais e lombrigas no organismo.”

– Sérgio Ambrósio

 

“Não escrevam frases profundas e citáveis, quando temos rappers portugueses e cantores brasileiros de funk que podem fazer isso por nós.”

– Sérgio Ambrósio

 

Para mais frases deste autor aclamado pelo “The New Fake Times”, leiam o texto «Frases do Meu Suposto Livro».

26.Jan.18

25 Perguntas Aleatórias

Sérgio Ambrósio

1 – “Sais de Casa sem?”

Primeiro, a pessoa que inventou esta frase não concluiu a 4.ª classe. É quase preciso ir para a Universidade para se compreender o que esta frase realmente significa. Segundo, vou arriscar que pressupõe que é algo que eu não deixo em casa. Muito bem, eu não saio de casa sem a minha cabeça. Dá-me jeito tê-la sempre comigo, é verdade. Nem que seja para enfeitar. Não enfeita muito porque sou pouco giro, mas dá sempre uma compostura ao corpo. No dia em que eu sair de casa sem cabeça, epá, tratem de me incinerar.

 

2 – “Alguma marca de maquilhagem preferida?”

Carago, não brinquem com a minha virilidade! Nem quando for à televisão vou deixar que as meninas metam maquilhagem em mim! Que se lixe se os telespectadores não gostarem do brilho da oleosidade da minha cara. Mudem de canal, olha que isto…

 

3 – “Flor/planta preferidos?”

A sério… Se gostam da pessoa que elaborou estas perguntas, façam o favor de não a deixar aproximar-se de nada que envolva letras e palavras. Obrigado. Quanto à minha preferência vai para o miosótis.

 

4 – “Loja de roupa favorita?”

Não me pagaram para fazer publicidade. Por isso, não digo.

 

5 – “Saltos ou baixos?”

Saltos, sem dúvida. Gosto sempre de vê-las a saltar no meu regaço. Não vale chamarem-me javardola, ok?

 

6 – “Cor favorita?”

Fogo, então isto pergunta-se a um portista? Claro que é o azul, carago! Mas estavam à espera que dissesse encarnado ou bordeaux, não?

 

7 – “Bebida preferida?”

Água com limão, gengibre e mel. Sou o primeiro hooligan da história do futebol que não bebe cerveja. E esta, hein?

 

8 – “Hidratante favorito?”

Aloe Vera do meu quintal. Tudo natural. Dá para usar das pontas dos cabelos, segue para baixo, mais para baixo um bocadinho, até às unhas dos pés.

 

9 – “Pretendes casar?”

Isto é como me perguntarem: «olha, queres morrer?». Epá, não. Mas se tiver que ser, se alguém fizer muita questão, vamos a isso! Porém, que isto fique assente: não acredito em nada disso. Nem no casamento, nem na morte. São tudo tangas dos Illuminati.

 

10 – “Irritaste facilmente?”

Eish, cheguei a uma conclusão dramática: a pessoa que fez isto não elabora perguntas, ela esmera-se nas calinadas. Sim, irrito-me facilmente quando o FCP não joga nada ou perde um jogo. Mas depois de uns bons insultos, já consigo relaxar, na boa.

 

11 – “Róis as unhas?”

Só os pussies é que roem as unhas. Dantes roía, agora já sou um homem.

 

12 – “Já desmaiaste?”

Tripeiro não desmaia. Tripeiro descansa sem contar. Nunca foi o meu caso.

 

13 – “Onde estavas há 3 horas?”

Estava numa maratona sexual. Não estava nada! Estava a dar lustre ao malandro. Não estava nada! Estava a ver um site porno. Estava, estava.

 

14 – “Estás apaixonado?”

Pelo Porto é todos os dias, é uma coisa louca.

 

15 – “Qual foi a última vez que foste ao shopping?”

Não frequento espaços que representem o grande império capitalista. Mas foi na Sexta-Feira. É triste, mas é verdade. Sou um ser humano muito incongruente. Perdoem-me, malta.

 

16 – “Assististe algum filme nos últimos 5 dias? Qual?”

Não, eu vejo 5 filmes por dia, que é diferente. Não me lembro é dos títulos. Também é o menos importante. Mas tudo de grandes realizadores: Nacho Vidal, Mario Salieri, Rocco Siffredi… Muita qualidade…

 

17 – “Como estás vestido agora?”

Desculpem, mas não revelo detalhes dos meus outfits. Querem dicas e sugestões, falem com o Polícia da Moda da CMTV.

 

18 – “Qual foi o último alimento que comeste?”

Gostava de dizer que foi um rodízio de vulva numa cama de lençóis de flanela. Mas, na verdade, foi chocolate preto.

 

19 – “Qual é o teu animal favorito?”

Pedro Guerra. E também gosto do meu cão, o Jardel. Mas se tivesse que escolher só um era o Pedro Guerra. Um animal muito fofinho!

 

20 – “Como seriam as tuas férias de sonho?”

A nadar numa piscina olímpica cheiinha de notas de 500 euros.

 

21 – “Quais são os planos para hoje à noite?”

Tentar não falecer. Se for bem sucedido, parto para um novo desafio: acordar vivo.

 

22 – “O que estás a ouvir agora?”

O som impiedoso da minha consciência a dizer-me que fui alto morcão por participar neste desafio porque isto tem mais perguntas que o Census 2011.

 

23 – “Coleccionas alguma coisa?”

Índices de massa gorda corporal. Mas muito contra a minha vontade, sublinhe-se.

 

24 – “Comes fastfood?”

Não. Prostitutas não são a minha cena. Mas nada contra quem goste.

 

25 – “Perfume favorito.”

Cheiro da terra molhada ou o cheiro a maresia. Só para acabar este questionário com um apontamento poético. Não que chegue para contrabalançar com a javardice destilada mas só para dar um cheirinho mais convencional à cena.

 

P.S.: Não vou nomear ninguém, tenho vergonha.

24.Jan.18

Pessoas Que Não Respondem A E-Mails

Sérgio Ambrósio

Tudo o que eu queria nesta vida era ser milionário, ter um lince ibérico de estimação, comer todos os dias francesinhas e que as pessoas respondessem aos meus e-mails. É que não pedia mais nada, meu.

 

Pessoas que têm e-mail e não respondem a e-mails, vocês deviam ser presos pela polícia da internet e ficarem sem acesso a ela até à eternidade. Vocês deviam apanhar uma diarreia tal que não houvesse tampo de sanita algum, no mundo, que fizesse o obséquio de se erguer para suas excelências!

 

O Gmail devia ter a opção: enfiar um tronco de eucalipto pela bunda da pessoa que não responde a e-mails. Vocês estão mesmo a pedi-las, carago… Por que carga de água é que têm e-mail, se não é para responderem a quem vos solicita?

 

Eis o que todas as pessoas que não respondem a e-mails lêem quando vão ver os seus e-mails recebidos: «Bom dia, estou a mandar este e-mail só para ser ignorado. Por favor, não faça caso, estou só a enviar e-mails para desfastio, a sério. Não é para me responderem. Continuação de bom dia e continue a ignorar-me fortemente. Obrigado!» É isto.

 

Eis o que eu tinha que escrever no campo do assunto do e-mail para que as pessoas que não respondem aos e-mails respondessem aos meus e-mails: “Vou Dar-lhe Agora Mesmo 3000 Euros”; «Responde A Essa Porra De E-Mail Senão Mato Toda A Tua Família»; ‘Quero Uma Resposta Ao E-Mail Senão A Tua Casa Vai Explodir E Pegar Fogo’. Será que assim respondiam?

 

Enquanto vocês recebem um e-mail meu e não respondem, entretanto, o Marcelo já foi ao Sabugal, a Bragança, Pirinéus, Bruxelas e leu 36 livros. Caraças, até o Marcelo, que é Presidente da República, responde a e-mails. Até o pessoal do Benfica responde a e-mails sem se importar de corrupção, tráfico de influências, ética ou verdade desportiva. Por que raios vocês não respondem? São mais importantes que o Marcelo e que o Primeiro-Ministro Vieira? São, são…

 

As desculpas verosímeis para não se responder a um e-mail são as seguintes: terem sido raptados e sodomizados por aliens, desmaio provocado pela comoção de verem um e-mail meu, terem perdido os dedos (inclusivé dos pés) e a visão, terem ficado burros e agora não saberem escrever. Meus caros, vocês já pararam para reflectir que essa pessoa que vos está a mandar e-mail pode ser aquela que vos vai assassinar, se não responderem?

 

O cúmulo da estupidez: pessoas que gastam milhares de euros para terem computadores, smartphones, tabletes e depois não respondem a um email, que é de borla! Sois mesmo fixes, não sois? Respondam nem que seja para dizer: “vai pro C@l%0, pá, vai chatear a p?+@ da tua mãe, c@&/ª0!”. Era uma resposta mais enternecedora do que ficar simplesmente no vácuo.

 

Quando forem ao Santuário de Fátima, acendam uma velinha por cada pessoa que ficou com e-mails por responder. De certeza que os vendedores de cera vão ficar milionários com o avultado volume de vendas. Pessoas que não respondem a e-mails, que Deus não permita a vossa entrada no Paraíso. Pior: que Deus vos elimine da internet para sempre! Ámen e aleluia!

23.Jan.18

Pierre Zago é o Novo Bondage

Sérgio Ambrósio

Descobri isto hoje e parti-me a rir. Este comediante, em cima, chama-se Pierre Zago e tem pregado umas excelentes partidas aos incautos cidadãos portugueses. Muito engraçado. Fez-me recordar os tempos do Bondage (aquele senhor de camisa cor-de-rosa que aparece, em baixo, no vídeo do Poster). Aliás, nem sei o que é feito hoje do Bondage, mas proporcionava momentos hilariantes. Deixo a partilha destas pérolas do Pierre Zago e a recordação do Bondage, com um vídeo de um autêntico postal (como dizemos no Porto)!

22.Jan.18

A Reacção de Um Sportinguista...

Sérgio Ambrósio

... Quando tem, 100% certeza, que Bruno de Carvalho é um labrego.

 

Eu também reagiria como o Fábio Coentrão, sou franco. Mas no dia a seguir, pelo menos, comprava umas peúgas do Giovanni Galli para disfarçar os danos causados à imagem da marca de roupa. É que quem não souber que o Coentrão está assim por causa do seu presidente, ainda pensa que o Fábio comprou roupa do Giovanni Galli e achou aquilo tão azeiteiro que de cada vez que vê o nome da marca desanca-lhe à murraça. Fuma um cigarrinho que isso passa, Fábio. O teu presidente tem um tutorial para fumar de uma forma que dá uma moca santa. É dar uma olhada.

20.Jan.18

Verão 2018

Sérgio Ambrósio

Está sol, lá fora, sente-se o quentinho no corpo e a mente começar logo a imaginar o que fazer no Verão de 2018. Ainda é Inverno mas quanto mais cedo se planearem as actividades de veraneio melhor. Eis o que eu vou fazer no Verão de 2018.

 

Quando o calor começar a esquentar, vou meter-me na piscina com a Kelly Bailey. Desculpa, Lourenço Ortigão. Mas antes eu com a Kelly do que o Pedro Barroso, não achas?

 

Vou evitar a confusão das praias portuguesas, cheias de gente e de lixo, e vou arejar a mona numas férias no Pólo Norte. Sempre quis conhecer pessoalmente um esquimó.

 

Há que estar de olho na moda. A tendência de moda para o Verão de 2018 continua a ser a mesma de anos anteriores: ir de chinelo para o shopping e de burka para a praia.

 

Sou capaz de ir fazer um piquenique. Isto se, entretanto, as poucas zonas verdes que restaram de Portugal não arderem até lá.

 

Não vou lavar os pés nem os sovacos 5 vezes ao dia no verão de 2018. Se eu levo com o mau cheio dos outros, meus amigos, isto vai ser recíproco.

 

Quanto estiver entediado, sem nada para fazer, vou dar um giro por Lisboa. Curtia rebentar balões de água na cabeça dos políticos à saída do parlamento. Era divertido, não acham? Será que eles ficavam chateados? Acho que não. Até o Marcelo era menino para ajudar na borga!

 

Só para desenjoar dos hits musicais de outros anos, no Verão de 2018 vou ouvir a música dos Fúria do Açúcar 10 vezes ao dia. Gerências das esplanadas, não me decepcionem!

 

Vou impor o meu estilo na costa portuguesa, passeando de prancha de surf na mão, mesmo não sabendo surfar. Muitos cantores pimba não sabem cantar e isso não invalida que actuem em bailaricos de Verão. Se eles podem ser cantores, eu posso ser surfista. Se eu meter água, eles também estão a meter.

 

Um dos meus sonhos é fazer um arrastão com os amigos na praia, só para a diversão. E sempre com o cuidado de devolver os objectos gamados no final. É uma coisa só na desportiva, não é para levar a sério como fazem no Brasil. Quero muito concretizar este desejo no Verão de 2018.

 

E vocês que planos têm para o Verão? Contem-me tudo. Uma actividadezinha, um rolezinho, um fetiche… Não se acanhem.

18.Jan.18

Como Curar a Gripe

Sérgio Ambrósio

Olá, pessoas que estão com aquele ranho atrevido a escorregar para a boca! Como vão essas fungadelas? Comprem lenços de papel, sim? Nada de limpar o nariz às mangas da camisola, ok? Deixem de ser jagunços, beleza?

 

Como curar a gripe? Eis uma questão que importa à indústria farmacêutica. Porque importante é vender Cêgripe e Ilvico às carradas. Gente, a melhor solução para curar a gripe é esperar que ela passe.

 

«Está bem, ó Sérgio, mas nós somos impacientes, detestamos estar doentes e queremos curar-nos disto já!». Pronto, ok, não precisavam de ser tão reivindicativos, amigos leitores! Eu dou-vos umas dicas que vão curar rapidamente a gripe. Não se riam, mas sinto-me o Professor Caramba a vender banha da cobra. Cá vai disto. Conselhos básicos para curar a gripe:

 

1 – Não gastem dinheiro em medicamentos, por favor. Façam dois furos num gorro velho que tenham em casa, peguem numa faca de cozinha e assaltem a farmácia da vossa zona. Não sejam gulosos, tragam só os medicamentos estritamente necessários para vocês.

 

2 – Peguem num copo, alho picado, mel, sumo de limão, vinho do Porto e botem abaixo. Garanto-vos que a gripe vai embora. E o fígado também pode ir com o caraças, por isso, certifiquem-se que têm um dador compatível.

 

3 – Repouso absoluto. Se alguém ousar incomodar o vosso sossego de monge budista, façam como o Wuant e mandem essa pessoa inconveniente e invejosa para o c@%#&0.

 

4 – Se estar na cama não é a vossa cena, vão a um hospital. Calma, mas não a um hospital qualquer. Português então nem pensar! Aquilo deve estar mais cheio que o Pingo Doce no Dia do Trabalhador. Vão a um hospital espanhol. Eis as vantagens: gasolina mais barata, taxa moderadora mais barata, medicamentos mais baratos e têm o bónus de dar um passeio pelo país vizinho. Com jeitinho e ainda tiram uma selfie com o Cristiano Ronaldo. Mas não lhe peguem a gripe!

 

5 – Lavem as mãos. A não ser que queiram lixar algum colega de trabalho. Nesse caso, esfreguem-lhe bem as mãos nas fuças. Em que circunstância? Não sei. Improvisem!

 

6 – Deixem de ter sexo com pessoas gripadas. Se o vosso cônjuge está com gripe, protejam-se e arranjem um (ou uma) amante (ou tudo ao mesmo tempo, desde que nenhum esteja com gripe).

 

7 – Inalem vapor de eucalipto. Porque é legal. A cannabis tem efeitos terapêuticos mas os senhores deputados querem essas benesses só para eles.

 

8 – Tomem a vacina contra a gripe. A não ser que tenham deixado recentemente a heroína e não se queiram sentir tentados pelos prazeres das agulhas.

 

9 – Agasalhem-se. Com este frio e andam a tirar fotos semi-nuas para o Instagram? Acho muito bem, continuem com o excelente trabalho, mulherada.

 

10 – Não façam nada. A gripe acaba por passar. E assim evitam a chatice de terem sido presos a assaltar a farmácia; a vergonha de vos rotularem de criativos alcoólicos; a infâmia de vos chamarem mandriões; o descaramento de alegarem que são pouco higiénicos; evitam divórcios; não perdem dinheiro para os traficantes de substâncias naturais; não contribuem para o entupimento dos Centros de Saúde; e sobretudo fazem do Instagram uma rede social apenas com uma estação do ano: o Verão! Não são o máximo estas 10 dicas para curar a gripe? As melhoras!

18.Jan.18

Ronaldinho Gaúcho

Sérgio Ambrósio

O craque brasileiro terminou oficialmente a carreira. Espalhou magia com o seu brinquedo preferido no pé – a bola – e fez sorrir miúdos e graúdos com a sua arte. Há quem lhe tenha chamado futebolista, eu prefiro categorizá-lo como artista.

 

E foi no relvado que pintou golos, dribles, coxinhas, cabritos, elásticos, assim como mandou para a terapia alguns defesas que saíram humilhados do campo. A imagem de Ronaldinho é um sorriso no rosto, um samba no pé e muita paixão pelo futebol no coração.

 

Ronaldinho era a alegria de qualquer adepto do futebol. Teve o condão de marcar golos ao Real Madrid e de ter os adeptos madrilenos a aplaudirem-no enquanto ele tinha colada ao corpo uma camisola do Barcelona. Ninguém resistia ao seu talento, todos se rendiam ao espectáculo que proporcionava.

 

Expoente máximo do futebol-arte, Ronaldinho Gaúcho já deixa saudades. Num futebol cheio de tácticas e de anti-jogo e de guerrilha, a irreverência do astro brasileiro fazia com que olhássemos para o topo do futebol mundial e ali víssemos um menino traquina a jogar descomplexadamente uma peladinha, passando-nos a sensação de que aqueles gestos eram simultaneamente a coisa mais fácil e mais feliz do mundo.

 

Ronaldinho acabou a carreira com 37 anos. Mas pareceu sempre ter a idade dum moleque sem medo de enfrentar os adultos. Talvez tenha estado aí a magia: os outros jogadores cresceram, mas Ronaldinho quis sempre continuar a ser uma criança jogando a bola. O mundo jamais esquecerá as belezas artísticas que produziu. Oxalá a História da Arte não se esqueça de incluir o nome de Ronaldinho Gaúcho nos seus compêndios. Nada mais justo.

Pág. 1/2