Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

18.Out.18

Os Últimos Românticos

Sérgio Ambrósio

Há coisas no futebol que eu não percebo. Por exemplo, o décimo segundo jogador é sempre o mais fiel, o mais leal, o mais apaixonado e é sempre o mais mal pago.

 

Para um adepto, o futebol é como a vida: não serve de nada, não dá para os gastos, mas sempre dá para a gente se divertir.

 

Os adeptos não trazem um emblema ao peito. Aquilo é o coração cosido numa camisola. Se não fosse o futebol, muitas pessoas morreriam sem saber o que é o amor, sem terem tido uma alegria no coração.

 

Actualmente, o maior sonho de todos os adeptos é que um jogador da sua equipa faça um controlo anti-doping e os médicos descubram que acuse nas análises ao sangue um amor irredutível ao clube e um ódio eterno e visceral aos rivais nos testes feitos à urina e às fezes.

 

No dia em que a camisola do nosso clube é achincalhada na praça pública, os jogadores deviam ser obrigados a dormir com ela toda a noite. E nós, os adeptos, deveríamos dormir com as suas mulheres como contrapartida. A ver se eles não corriam mais! Ai não, não corriam…

2 comentários

Comentar post