Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

05.Dez.17

Carta ao Pai Natal

Sérgio Ambrósio
Não tenho filhos nem sobrinhos, mas às vezes ponho-me a imaginar como é que um miúdo, criado por mim ou sob a minha influência, escreveria uma carta ao Pai Natal. Suponho que seria, mais ou menos, assim:   “Boas, Pai Natal.   Este ano, portei-me muito bem. Fiz tudo o que a minha mãe e o meu pai me mandaram, inclusivamente dar uma coça ao menino que gozava com o meu clube. Só me portei mal quando bebi aquela deliciosa garrafa de vinho do Porto, reserva de 2011, que os meus (...)
19.Nov.17

A Minha Mãe

Sérgio Ambrósio
Vi-me na obrigação de escrever sobre a pessoa que me deu à luz. Eu sei que não me deveria meter em assuntos complicados. Mas um filho é assim, complica sempre. É como a minha mãe: nunca me facilita a vida.   Se eu faço a minha cama, é certinho que ela vai dizer que está mal feita. Se eu arrumo a cozinha, é certinho que ela vai dizer que está uma trapalhada. Se eu a vou buscar de carro a algum lado, ela vai dizer "excelente".   Eu sinto que só vim ao mundo para dar boleia (...)
06.Nov.17

Impossível

Sérgio Ambrósio
Os futebolistas são muito religiosos e alguns usam camisolas interiores com mensagens de fé e de louvor a Deus. Os jogadores benzem-se e levantam as mãos para o Céu. No entanto, não se deixem enganar, é que eles são craques na arte de violar os dez mandamentos. Vejamos.   1 – “Amar a Deus sobre todas as coisas.” Impossível. Os jogadores de futebol só amariam Deus acima de todas as coisas se fosse a cara de Deus que viesse estampada nas notas de euro.   2 – “Não (...)