Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

02.Nov.18

José P€zero

Sérgio Ambrósio
Ninguém está surpreendido com o despedimento do treinador do Sporting. José Peseiro já deve ter mais despedimentos do que o Luís Campos! Quem é Luís Campos? Ide pesquisar ao Google, seus amnésicos da bola, ide.   Contratar Peseiro não é esperar por títulos. É esperar por ver quantos jogos aguenta sem ser despedido. Porque em Portugal só ganhou a II Liga, com o Nacional, e uma Taça da Liga, com o Braga. Isto depois de passar por emblemas históricos do país. Portanto, não (...)
27.Dez.17

Bolo-rei

Sérgio Ambrósio
Sabes que a monarquia está pelas ruas da amargura quando os bolos-reis são postos no caixote do lixo. Já não se respeita quem tem fome, não se respeita a culinária, nem a monarquia. A não ser que a Padaria Portuguesa quisesse dar um presente de Natal aos ratos da cidade de Lisboa.   Andou a malta a gastar rios de dinheiro numa regueifa monárquica de frutos secos e cristalizados quando afinal bastava ter esperado pelo fecho do comércio para tê-las de borla. Há milagres de (...)
26.Dez.17

Matar Saudades

Sérgio Ambrósio
Sabe tão bem quando pegamos numa metralhadora e fuzilamos as saudades, não sabe? Porém, isto soa muito mal. Faz-nos parecer o Pablo Escobar que lidera um cartel de emoções e executa inimigos que são apelidados de saudades.   Eu não me deveria sentir um assassino que tem prazer em pegar numa catrefada de saudades, executá-las e metê-las numa vala comum. Mas que prazer é este em matar saudades?   Nunca pensei que um abraço, um beijo, fossem armas tão poderosas. Mas parece (...)
13.Dez.17

10 Melhores Prendas de Natal

Sérgio Ambrósio
Vós que andais em busca dos melhores presentes de Natal, parem já. As melhores prendas de Natal não estão à venda em shoppings nem sequer no OLX. Se é Natal, têm de oferecer algo especial. E isso, não é aquela camisola da cadeia de fast fashion mais famosa do mundo, que é feita na China ou na Índia por uma criança de 7 anos. Porque camisolas iguais a essa vão ser mais populares, no mundo todo, que o bacalhau na noite de consoada.   1 – Se querem ver um homem feliz, na (...)
05.Dez.17

Carta ao Pai Natal

Sérgio Ambrósio
Não tenho filhos nem sobrinhos, mas às vezes ponho-me a imaginar como é que um miúdo, criado por mim ou sob a minha influência, escreveria uma carta ao Pai Natal. Suponho que seria, mais ou menos, assim:   “Boas, Pai Natal.   Este ano, portei-me muito bem. Fiz tudo o que a minha mãe e o meu pai me mandaram, inclusivamente dar uma coça ao menino que gozava com o meu clube. Só me portei mal quando bebi aquela deliciosa garrafa de vinho do Porto, reserva de 2011, que os meus (...)
04.Dez.17

10 Piores Prendas de Natal

Sérgio Ambrósio
Vós que andais às compras tende cautela. Há presentes que não lembram ao Diabo e que não interessam nem ao Menino Jesus. E não estou a falar de ouro, incenso ou mirra. Até porque ouro era muito bem-vindo, já que nunca recebi ouro no Natal. Incenso e mirra dispenso bem.   1 – Não há nada pior do que vermos uma caixa bem embrulhada com um laçarote e a nossa imaginação a voar no delírio de lá encontrar algo fantástico. O anti-clímax é quando se abre e a caixa está (...)
22.Nov.17

Jantares de Natal

Sérgio Ambrósio
Está oficialmente aberta a época nas churrasqueiras e tascas do país. Para nós, portugueses, qualquer pretexto é bom para comer e beber. Já não basta a noite de consoada, em que comemos como bisontes, que ainda temos que ir antes do Natal aconchegando o estômago com jantares diversos em grupo.   Ele é jantares de empresa, jantares do ginásio, jantares dos amigos, jantares dos ex-colegas de creche. Dezembro é, sem dúvida, o mês do ano em que mais dinheiro se gasta em (...)
20.Nov.17

Redes Sociais

Sérgio Ambrósio
Uns dizem que mostram o pior da humanidade; outros dizem que mostram uma falsa noção de felicidade e sucesso; para um pedófilo é Natal sempre que faz “iniciar sessão”.   Há quem diga que as pessoas se expõem muito nas redes sociais. Não tenho essa ideia. É muita gente a mostrar os seus bens materiais, as suas viagens e fotos do seu corpo, certo. Mas uma coisa eu nunca vi: nem uma só pessoa que tivesse tirado uma foto à sua alma.   As redes sociais são uma arma. Elas (...)
14.Nov.17

Lixeiros

Sérgio Ambrósio
Quase todos os dias, acordo com uma chinfrineira medonha. De imediato, vem-me à mente que foi desta que estalou, em Portugal, uma guerra civil, à séria, com armas, bombas e tudo, por causa da Web Summit, do jantar no Panteão ou da última mentira do Pedro Guerra. Afinal, chego à conclusão que são só os lixeiros em mais um dia de trabalho.   É verdade, quando o camião do lixo passa à minha porta, fico na dúvida sobre se são os lixeiros ou se foi alguém que gamou um tanque (...)