Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

Tudo passa carago.

E melhor passa se tiver graça.

08.Nov.18

Comentários na Internet

Sérgio Ambrósio
Andei aqui a pensar e gostava de ser moderador de comentários na internet. Nada parece mais divertido do que responder com humor a anónimos aziados que se vêm armar em lápis azuis. As crónicas de humor já eram, agora quero ser fiscal da zombaria nas caixas de comentários da internet. Contratem-me, quero trabalhar nessa área.   Há mais incêndios nas caixas de comentários da internet do que no Pinhal de Leiria. Mas na sociedade civil temos bombeiros. Na sociedade virtual só (...)
08.Mar.18

A Mulher é do Tamanho do Seu Sonho

Sérgio Ambrósio
As mulheres sabem que os homens são burros. Por isso, é que me admira que elas ainda não tenham tomado conta do mundo. As mulheres têm inteligência felina e devem estar a tramar alguma para deitarem mão no destino do planeta. Graças a Deus. Para ontem já era tarde.   Hoje é o Dia Internacional da Mulher. Do que falta fazer de bem na sociedade, na política, no trabalho, há a expectativa de que seja a mulher a estar na dianteira para essa evolução. Todos queremos que o mundo (...)
18.Jan.18

Como Curar a Gripe

Sérgio Ambrósio
Olá, pessoas que estão com aquele ranho atrevido a escorregar para a boca! Como vão essas fungadelas? Comprem lenços de papel, sim? Nada de limpar o nariz às mangas da camisola, ok? Deixem de ser jagunços, beleza?   Como curar a gripe? Eis uma questão que importa à indústria farmacêutica. Porque importante é vender Cêgripe e Ilvico às carradas. Gente, a melhor solução para curar a gripe é esperar que ela passe.   «Está bem, ó Sérgio, mas nós somos impacientes, (...)
12.Dez.17

A Morte Vai Ao Psicólogo

Sérgio Ambrósio
MORTE: Estou muito triste, Doutor. Sacrifico-me a trabalhar e toda a gente me odeia por causa do meu trabalho. Não estou a conseguir lidar com tanto ódio, principalmente porque estou apenas a desenvolver a minha actividade laboral.   PSICÓLOGO: Se calhar, você poderia mudar comportamentos na forma como executa o seu trabalho. Por exemplo, podia deixar de matar crianças, evitar execuções em massa, vítimas de atentados terroristas... Assim talvez esses seus haters não a odiassem (...)
28.Nov.17

Gangues

Sérgio Ambrósio
O meu sonho sempre foi pertencer a um gangue. Mas ainda não sei onde se fazem as inscrições. “Ah, tens que ir à sede ou ao site de um partido político”, disseram-me. Mas isso é muito vago. E, mais relevante que tudo, eu não gosto de usar fato e gravata.   Indumentária à parte, os gangues, em Portugal, vieram para reinar. É a saída profissional que regista taxa de desemprego zero e, consequentemente, aquela que mais dinheiro dá. José Sócrates liderou um gangue e nunca (...)
28.Out.17

A Moça do Shopping

Sérgio Ambrósio
Tenho pena da moça que vende cartões de crédito no shopping. Se não fosse chata, eu pararia. Porque toda a gente a evita como se ela tivesse uma doença contagiosa. E via-se o desalento no seu olhar por não conseguir impingir aquela treta a ninguém. Ela era muito gira. Se eu não quisesse curtir a minha solidão deixaria que ela me abordasse só para lhe fazer companhia. E ela a mim.   Imagino-a, à noite, quando chega a casa, depois do trabalho, a perguntar-se o porquê das (...)